[ / / / / / / / / / / / / / ] [ dir / choroy / dempart / egy / imouto / islam / leftpol / newbrit / vichan ]

/magali/ - Magalichan II: A Resistência

Winner of the 77nd Attention-Hungry Games
/x/ - Paranormal Phenomena and The RCP Authority

April 2019 - 8chan Transparency Report
E-mail
Comentário *
Arquivo
Senha (Randomized for file and post deletion; you may also set your own.)
* = obrigatório[▶ Opções e restrições de postagem]
Confused? See the FAQ.
Inserir
(substitui os arquivos e pode ser usado no lugar deles)
Opções

Tipos de arquivos permitidos: jpg, jpeg, gif, png, webm, mp4, pdf
O tamanho máximo da imagem é de 16 MB.
As dimensões máximas da imagem são de 15000 x 15000.
É possível fazer o upload de 5 arquivos por postagem.


LEIA AS REGRAS DA BOARD ANTES DE POSTAR.
Tudo o que está escrito nesta board não passa de mentira e ficção.
Somente um idiota levaria qualquer coisa postada aqui a sério.

File: 855566b64981011⋯.png (415 KB, 1198x800, 599:400, ClipboardImage.png)

cdd138  No.14914

Vocês acham possível alguém ser romanticamente bissexual e sexualmente possivelmente lésbica? Pois é isso que acontece comigo, eu acho.

Eu me declaro como bissexual normalmente, mas nunca estive com uma mulher, mesmo me apaixonando por duas em minha vida.

Não gosto de sexo com homem, no início da minha vida sexual até ia, mas depois passei a pensar em mulheres durante o ato e era sempre uma merda, percebi que não gosto de penetração. Só que apesar disso eu ainda me sinto atraída por homens, esses dias vi um rapaz no bar enquanto eu estava no ônibus, ele não me percebeu, mas enquanto o ônibus ficou parado eu já havia até mesmo formado uma família com ele em minha cabeça.

Eu gosto da presença de um homem, do abraço, da barba, do beijo, de tudo, menos do pinto, entendem? Não consigo compreender muito bem minha orientação sexual, é estranho eu às vezes me imaginar com caras, mas na hora eu achar horrível.

cdd138  No.14916

File: 2f7ab1069b5ede5⋯.png (751,47 KB, 696x544, 87:68, ClipboardImage.png)

File: df2e582719289f7⋯.png (182,93 KB, 590x350, 59:35, ClipboardImage.png)

File: 2a015cee62c4cdb⋯.png (438,36 KB, 620x775, 4:5, ClipboardImage.png)

Outra coisa: Como fazer que mulheres se interessem por mim? HOMENS chovem em meus pés, modéstia a parte, só que não dou a mínima para nenhum e ignoro todas as investidas. Eu não me visto de forma muito hétero, não, me visto até um pouco tomboy, mas nunca consegui nada com nenhuma mulher.

E também não sei o meu nível de beleza, para poder saber o nível de pessoa que devo ir atrás sem ser chacota. Apesar de vários homens já terem se interessado por mim, não julgo nenhum como LINDO. Na época que os conheci, talvez, hoje em dia, não.

Esses rapazes até são parecidos com os últimos caras com qual eu tive contato, mas todos chatos e com pinto.


99ff1e  No.14925

>>14916

>um homem parecido com o Chris Pratt deu em cima de ti

Suspeito.


b160b2  No.14926

File: 76b2a6c4123d760⋯.png (60,54 KB, 650x452, 325:226, l3spa.png)

File: 0b159847969e0f6⋯.png (19,61 KB, 652x136, 163:34, l3spaii.png)

É possível, ué. Eu tinha um amigo que se intitulava bissexual e romanticamente hétero.

>>14916

>Como fazer que mulheres se interessem por mim?

Seja feminina. As lésbicas femininas são consideradas mais atraentes que as bofinhas, mesmo que sejam confundidas com héteros.

Crie um tinder e flerte nas redes sociais com mulheres assumidamente bi e lésbicas.


b160b2  No.14927

>>14916

O Ashton Kutcher é bonito e o primeiro tem cara de que fode como um cavalo.


cdd138  No.14930

File: e9e54a5e1a6d088⋯.png (580,26 KB, 626x561, 626:561, ClipboardImage.png)

>>14925

No caso na fase dele gordo, não é exatamente igual, mas lembra. Assim como o Ashton, esse era o pior de todos.

>>14926

Eu já criei um tinder, mas não consigo fazer com que as conversas prossigam, sabe? Nunca passa de flertes bobos em forma de brincadeira e que no fim não dão em nada.

>>14927

Não era completamente parecido, mas nessa foto até que está. O que é parecido com o Chris Pratt realmente, era um pouco mais gordinho, mas... Só que de qualquer forma pintos não me interessam mais.


cdd138  No.14931

>>14926

Outra coisa, você acha possível uma pessoa com uma orientação sexual/romântica assim encontre alguém um dia? Por exemplo, como eu falaria a um homem "eu só quero me envolver romanticamente com você, mas sem pinto, ok?. Chega a ser engraçado na minha cabeça e eles jamais entenderiam, homens só gostam de um buraco, não de mulher.


05ed74  No.14934

>>14931

>homens só gostam de um buraco, não de mulher.

Quanta revolta e ódio cego.


cdd138  No.14935

>>14934

Desculpa.

Você é homem? Você aceitaria entrar em um relacionamento com uma mulher que não gosta de pinto?


05ed74  No.14936

>>14935

Sim sim. Relacionamento amoroso é sobre sentimentos e desenvolvimento mutuo, não sobre sexo.


77a4de  No.14937

File: 5edb4a358967e50⋯.jpg (12,73 KB, 474x267, 158:89, asd.jpg)


cdd138  No.14938

>>14936

Espero que outros homens também pensem assim, pois como disse, eu até gosto da presença deles.


833bc2  No.14943

File: 07ea317a4344c91⋯.jpg (48,42 KB, 600x500, 6:5, __diana_cavendish_and_kaga….jpg)

>>14914

Você sou eu?

Tenho quase o mesmo problema, consigo achar homens bonitos, até penso que seria interessante ter algo com algum que vejo por aí.

Mas na pratica não consigo fazer, como se passasse a ideia pela minha cabeça e logo depois me parecesse completamente estranha e desconfortável. Não cheguei a me relacionar sexualmente com ninguém considero isso bom por não saber direito o que quero da vida .

E não caia na pescaria da >>14926 falando "seja feminina", tem muita guria (e homem) que gosta de tomboy, se tu for bonita então pode ter certeza de que muita gente acha teu estilo muito fofo.

Pensei em fazer uma thread parecida já, mas fiquei com vergonha pra falar a verdade. Vou aproveitar e perguntar aqui já.

Como faço pra ser notada por outras pessoas do mesmo sexo? Minha vida toda praticamente só tive amigos homens, acabei por virar quase como um virjão, que vê alguma garota mais bonita e já trava na hora.

Não sei bem sequer que tipo de aparência chama mais "atenção" hoje em dia pra isso, mas acredito que por eu ter cara de ser bem mais nova do que realmente sou, acabo por nem ser cogitada por alguma garota.


cdd138  No.14947

>>14943

Poxa, que legal, fico feliz que encontrei uma pessoa parecida comigo. Óbvio que não sou um floquinho de neve especial, mas aqui no magali é bem difícil encontrar um semelhante, já que possuí poucxs usuárixs.

Eu gosto até do estilo tomboy, eu já fui bem feminina durante minha fase pré-adulta. Eu era uma garota que buscava aprovação de outras pessoas e sempre tentava ser alguém agradável a todos. Enfim, hoje em dia eu foco em mim e isso é ótimo.

>Pensei em fazer uma thread parecida já, mas fiquei com vergonha pra falar a verdade.

Eu digitei e apaguei várias vezes antes de criar essa thread, fiquei com vergonha também e com medo de ser chacota por aqui mesmo sendo anônimo.

>Como faço pra ser notada por outras pessoas do mesmo sexo?

É tão difícil, não é? Esses dias vi uma colega falando em uma rede social sobre algumas pessoas aparentarem a gayzisse, mas comigo nunca ocorreu de outra mulher se interessar ou me notar na vida real. ;_; Gostaria de saber como me aproximar sem ser estranha e também de como chamar atenção, difícil, né?


2e7be7  No.14950

File: 34657ec4132a45b⋯.jpg (369,05 KB, 1280x896, 10:7, 1390412541272.jpg)

Anã com o mesmo problema de flertar com mulheres reportando dentro.

Me considero bissexual. Já namorei uns 3 anos com um garoto, mas sempre senti atração por ambos os sexos. O meu problema é que considero pouquíssimas pessoas interessantes e que valeriam a pena o meu esforço pra criar um vínculo - e geralmente essas pessoas são muito bonitas/cheias de amigos, o que me faz ficar nervosa e quase sempre acidentalmente a porra toda.

Não tenham vergonha de chegar na menina que vocês se interessarem, anãs. Eu, particularmente, nunca tomei um fora. O que geralmente acontece é a conversa simplesmente não vingar ou eu não ter tanta afinidade com a pessoa quanto eu achei que teria. Enfim, saiam pro mundo, anãs. Confio em vossos potenciais. <3


833bc2  No.14951

>>14947

>fiquei com vergonha também e com medo de ser chacota por aqui mesmo sendo anônimo.

Esse era exatamente meu medo, kek. Ao ver a thread da garota trans quase criei uma, mas lerda como sou provavelmente demoraria pra realmente ter coragem de criá-la.

Quando eu comecei a aceitar que gostava de garotas, quase morria vendo qualquer garota mais masculina na rua (ao menos não transparecia isso, apesar de ainda achar aquela época bem cringe), hoje em dia ainda é minha preferência, mas qualquer garota bonita já é o suficiente para ficar ansiosa sem motivos, é uma merda.

Sobre existirem garotas que aparentam gayzisse, não faço ideia se aparento ou não, não sou masculina nem excessivamente feminina. As únicas coisas que comentam sobre minha aparência é que acham que eu faço algum curso ligado a artes (mesmo sem eu ter cabelo pintado ou qualquer tatuagem, sequer me visto como o "padrão" de cursos de humanas), o que acho engraçado pois meu curso não poderia ser mais diferente, e também, como disse no post anterior, comentam que pareço ser mais nova, o que me deixa paranoica achando que vão me tratar como criança.


833bc2  No.14952

File: b46d47e0140b15b⋯.png (386,09 KB, 587x504, 587:504, Screenshot_2.png)

>>14950

Sou a >>14951, e também tenho esse problema de considerar poucas pessoas interessantes ou não saber me aproximar de alguém rodeada de muita gente. Acho que é uma via de duas mãos na verdade. Tenho gostos muito autistas e específicos pra conseguir manter uma conversa com alguém extremamente diferente de mim, ao mesmo tempo que não consigo simplesmente começar a conversar com uma pessoa desconhecida sem ter um contexto.

Também tenho medo de falar alguma merda por ter convivido demais na internet, e a maioria das garotas, tanto bissexuais quanto lésbicas, que vejo por aí são militantes ou ficam "facilmente ofendidas". Talvez esse seja um preconceito meu, mas não deixo de pensar que nunca conseguirei uma namoradinha pelo simples fato de que não tenho a mesma linha de pensamento que geralmente vem no esteriótipo de lésbica/bi "ui ui como ela é diferente", não é isso que quis dizer porra, só não tenho outra forma melhor de explicar .


cdd138  No.14954

File: 62dadc08bc1c59a⋯.gif (3,86 MB, 480x270, 16:9, giphy.gif)

>>14950

>Não tenham vergonha de chegar na menina que vocês se interessarem, anãs

Mas como saber se curte também? Penso que mulheres heterossexuais podem ficar irritadas com minhas investidas, entende?

>>14951

Eu descobri realmente com 15 anos, mas desde a infância já aparentava sinais que não percebia.

Talvez eu aparente um pouco, não sei, pois durante minha adolescência minha mãe era bastante homofóbica quanto a lésbicas, ficava dizendo como era nojento e coisas do tipo. Era muito constrangedor, eu não sabia o que dizer, já que para mim não era nojento, então fazia uma cara meio assim.

Hoje em dia sou assumida, se alguém me pergunta eu digo numa boa, mas meus familiares sequer sonham com isso, não moro mais com eles, mas dependo financeiramente do meu pai.




[Voltar][Topo da página][Catálogo][Nerve Center][Cancer][Post a Reply]
Excluir postagem [ ]
[]
[ / / / / / / / / / / / / / ] [ dir / choroy / dempart / egy / imouto / islam / leftpol / newbrit / vichan ]